Tratamento para hemorroidas: Dicas Exclusivas

O tratamento para hemorroidas, quando são externas, pode ter uma grande variedade de abordagens que vão desde banhos de assento até o uso de pomadas com medicamentos.

Para quem não sabe, as hemorroidas são apenas veias que incham, inflamam e ficam doloridas, localizadas no reto ou no ânus.

Elas podem ser do tipo internar ou externas, ou seja, quanto são internas, ficam logo na parte inicial do reto e quando são externas elas ficam na abertura do ânus, projetadas para fora.

Essa condição é causada pela dilatação das veias da região anal e pode causar sintomas incômodos, tal como dor, coceira, dificuldade de defecar e até mesmo a presença da sangue nas fezes.

O fato é que o quadro deve sempre ser tratado, preferencialmente, o quanto antes, para evitar que evolua, aumente e venha a causar ainda mais desconforto.

Então, se você está interessado e quer saber mais sobre o tratamento para hemorroida, continue lendo e descubra tudo o que você precisa saber. Vamos lá?!

Mas antes, conheça os sintomas da hemorroida

A hemorroida pode causar uma série de sintomas incômodos que variam de uma pessoa para a outra e com a intensidade do problema, veja só:

  • Presença de sangue cor vermelho vivo nas fezes ou mesmo no papel higiênico ao se limpar
  • Coceira na região anal
  • Dificuldade para defecar
  • Excreção de líquido esbranquiçado pelo anos, especialmente em casos de hemorroidas internas
  • Dor na região anal que pode se manifestar ao sentar, evacuar ou caminhar, principalmente nos casos de hemorroidas externas.

Nos casos de hemorroidas externas é normal sentir também um tipo de saliência no ânus, ou uma fissura anal.

Principais tipos de hemorroidas

Antes mesmo de determinar um tratamento para hemorroidas, é importante determinar o tipo, pois o tratamento vai depender disso. Então, os tipos de hemorroidas são os seguintes:

  • Hemorroidas internas: essa hemorroida acontece com o inchaço da veia dentro do reto.
  • Hemorroidas externas: ocorre quando o inchaço da veia acontece no ânus, projetando-se para fora da cavidade.

Além disso, é preciso classificar corretamente o grau do problema, para que seja possível determinar o melhor tratamento para hemorroidas que será aplicado, veja só:

  • Grau 1: nesse caso, ainda não há prolapso, ou seja, não há exteriorização.
  • Grau 2: nesse caso já há a exteriorização, mas a hemorroida apresenta um retorno espontâneo.
  • Grau 3: nesse caso há a exteriorização e é preciso a intervenção manual para que o problema retorne ao normal.
  • Grau 3: nesse caso ocorre a exteriorização e o problema não retorna ao normal nem mesmo quando já ajuda manual.

Quais as principais causas da hemorroida

Muito além de conhecer o tratamento para hemorroidas, é importante também conhecer as causas, para que seja possível prevenir o problema e evitar que evolua ou que volte a acontecer.

Vale lembrar, no entanto, que as hemorroidas são problemas bastante comuns, especialmente durante a gestação e depois do parto, visto o aumento do esforço e da pressão na região do ânus.

Dentre as principais causas da hemorroida podemos citar o esforço que é feito para evacuar. No entanto, ela pode ser causada por outras condições, tais como:

  • Diarreia crônica
  • Resfriados
  • Infecções anais
  • Ficar sentado por um longo período de tempo
  • Possui uma dieta que é pobre na ingestão de fibras

Tudo isso pode contribuir para o surgimento das hemorroidas, por isso, nada melhor do que se atentar e cuidar do problema.

Tratamento para hemorroidas

Em grande parte dos casos, o tratamento para hemorroidas é caseiro mesmo. No entanto, em casos mais graves é imprescindível que haja intervenção médica, especialmente a partir do grau 2, podendo ser preciso estabelecer tratamentos alternativos ou intervenção cirúrgica.

Os procedimentos possíveis no tratamento para hemorroidas são os seguintes:

  • Coagulação com infravermelho

Esse é um tipo de tratamento para hemorroidas que não é cirúrgico e não costuma oferecer complicações. Assim, uma pequena sonda é colocada logo acima da hemorroida e uma luz infravermelha é emitida, causando a coagulação dos vasos, fazendo com que encolham.

Já a redução dos tecidos pode levar mais algumas semanas.

  • Injeções

Um outro tratamento para hemorroidas é a injeção diretamente nos vasos inflamados, para diminuí-los. O método é simples e normalmente indolor, embora possa ser um pouco menos eficiente que os demais.

  • Remédios caseiros no tratamento para hemorroidas

Os tratamentos caseiros costumam oferecer um excelente resultado, desde que indicados por um médico. Mesmo assim, é fundamental seguir o tratamento com o coloproctologista para acompanhar a evolução do caso até que esteja curado.

Isso porque o uso das plantas e ervas recomendadas ainda pode causar eczemas ou reações alérgicas cutâneas sérias.

  • Cirurgia

Caso nenhum dos tratamentos para hemorroidas já citados surta efeito, pode ser necessário realiza uma cirurgia. Dentre elas, podemos citar a ligadura elástica ou a hemorroidectomia.

ambos são comumente aplicados em pacientes que sentem dor ou que apresentam hemorragia acentuada sem resposta aos outros tratamentos menos invasivos.

No caso da ligadura elástica, o médico irá amarrar alguns elásticos na base dos vasos inflamados a fim de interromper a circulação. Depois de alguns dias, as hemorroidas irão cair sozinhas durante a evacuação mesmo.

Pronto, agora você já conhece o tratamento para hemorroidas e sabe que é muito importante contar com o acompanhamento de um médico para o acompanhamento do problema!